Boletins
Novidades

Atração de talentos: o melhor jeito de fazer e seus benefícios

Quem faz o sucesso de uma empresa, certamente, são os seus colaboradores, não importa qual o cargo que ocupam ou qual setor atuam. Por isso, a atração de talentos é uma das tarefas mais importantes de uma organização.

Para isso, a equipe de recrutamento e seleção precisa estar devidamente preparada para encontrar os candidatos ideais para cada vaga aberta e, especialmente, possuir as estratégias corretas para atrair e conquistar esses talentos.

Muito mais do que profissionais que tenham um currículo exemplar, a atração e retenção de talentos dependem de uma série de critérios, como o fit cultural entre empresa e candidato, por exemplo.

O fato é que uma contratação bem feita tende a entregar diversos resultados positivos, enquanto a escolha errada de um novo colaborador pode prejudicar a produtividade da empresa, além de um custo financeiro extra.

Para entender melhor como o setor de recursos humanos deve lidar com a atração de talentos, este artigo vai abordar todos os pontos essenciais sobre o tema. Você vai saber:

Quer saber mais? Continue a leitura!

O que as empresas consideram como “talento”?

Antes de entender como funciona a atração de talentos, é necessário saber que ao recrutar um novo talento, as empresas esperam mais do que apenas um funcionário para preencher a vaga disponível.

De maneira geral, considera-se “talento”, aqueles profissionais do mercado de trabalho que apresentam alta performance na função que exercem ou área que atuam. Esses possíveis colaboradores devem reunir as habilidades, aptidões e competências necessárias para o cargo.

Outro ponto importante é que esse candidato compartilhe dos valores da empresa, pois de nada adianta ser competente, mas não ter objetivos que conversem com o que a companhia almeja. Além disso, espera-se que seja um ser humano engajado.

Atração de talentos: o que é?

A atração de talentos refere-se especialmente ao conjunto de estratégias e técnicas de recrutamento, desenvolvidas pela equipe de recursos humanos, para realizar a contratação dos profissionais ideais para as vagas abertas na empresa.

Geralmente, a atração e seleção de talentos é um dos processos mais valorizados dentro de uma organização, já que possuir excelentes profissionais no quadro de funcionários pode impactar diretamente nos resultados do negócio.

Um dos objetivos principais deste trabalho do setor de recrutamento e seleção é melhorar o employer branding da empresa, a fim de torná-la um objeto de desejo dos profissionais de destaque no mercado de trabalho.

A ideia é que os candidatos que possuem fit cultural, ou seja, que se adequem à cultura organizacional, queiram trabalhar na sua empresa. Além da atração, os gestores de RH também se preocupam com o conceito de retenção de talentos, que consiste na manutenção desses profissionais uma vez que já foram contratados.

Qual a importância da atração de talentos para a empresa?

Um dos maiores erros que uma empresa pode cometer é não se preocupar com a contratação de novos colaboradores e visar apenas o preenchimento da vaga. Por conta da pressa em contratar um novo profissional, é bastante comum que o processo seletivo seja acelerado e, ao final, o resultado não seja o esperado.

Isso acontece com a intenção de prejudicar menos a equipe que está desfalcada, porém, os prejuízos podem ser maiores, se o contratado não tiver o perfil adequado. As consequências negativas podem ser:

Aumento de custos: todo processo seletivo gera gastos para a companhia, com a contratação de recrutadores e/ou empresas especializadas, divulgação das vagas e ainda com desperdício das horas dos profissionais de RH.
Desmotivação: quando você contrata um profissional que não tem identificação com a empresa ou com o trabalho a ser realizado, a probabilidade dele ficar desmotivado rapidamente é alta.
Queda na produtividade: se o colaborador está desmotivado, certamente, não produzirá o necessário. Com a queda na produtividade de apenas um profissional, toda uma equipe pode ser prejudicada, impactando diretamente nos resultados do negócio.

Por conta desses motivos, as estratégias de atração de talentos são tão importantes para as empresas.

Quando a sua empresa se torna desejada pelos profissionais do mercado de trabalho, é provável que a equipe de RH já tenha no radar alguns candidatos que possam se interessar por aquela oportunidade. Assim, o processo de recrutamento e seleção pode ser mais rápido, sem deixar de ser assertivo.

Como fazer uma boa atração de talentos?

Agora que você já sabe a importância da atração, recrutamento e seleção, é o momento de entender como desenvolver uma boa estratégia para sua empresa ter sucesso na contratação de novos profissionais. Abaixo, elencamos cinco dicas para um bom plano de atração de talento:

Tenha um programa de benefícios atraente

Esqueça a ideia de que um bom vale-refeição e plano de saúde é o suficiente para que sua empresa se torne desejada pelos profissionais. Apesar de serem itens quase obrigatórios no pacote de benefícios, atualmente, já não são mais altamente desejados pelo mercado de trabalho.

Especialmente neste período da pandemia de COVID-19, os candidatos estão buscando por um programa de vantagens muito mais abrangente, que valorizem o equilíbrio entre vida pessoal e profissional, por exemplo, horário de trabalho flexível e possibilidade de home office.

Lembre-se ainda de que quanto melhor qualificado for, mais exigente será o candidato em relação aos benefícios oferecidos por sua empresa.

Invista em marketing de recrutamento

Há algum tempo o marketing não é mais utilizado para promover a venda de produtos ou serviços. O chamado marketing de recrutamento tem como objetivo tornar a empresa atrativa para os profissionais. Na prática, o objetivo é vender a companhia como um bom lugar para trabalhar, encantar o possível candidato e atraí-lo para os futuros processos seletivos.

Nesta estratégia, não se faz apenas a divulgação do cargo em aberto, mas também busca tornar a empresa um objeto de desejo, disseminando a marca e despertando o interesse no perfil de candidato desejado.

Assim como o marketing tradicional define um target (público-alvo), o marketing de recrutamento para atração e retenção de talentos deve impactar, principalmente, os profissionais que tenham o perfil almejado pela empresa.

Hoje, diversos canais podem conversar com os potenciais candidatos, mas aposte também em redes sociais, especialmente voltadas ao mundo dos negócios, como o LinkedIn. Atente-se também ao seu público-alvo, muitas vezes, o colaborador que está buscando pode estar presente em redes mais populares como o Instagram ou o Facebook.

Deixe claro os propósitos, valores e missão de sua empresa

Não tem nada mais frustrante para empresa, ou profissional, do que descobrir que não há identificação entre eles. Muitas vezes, pela descrição do cargo e análise do currículo, pode parecer que o candidato é indicado para preencher determinada vaga na empresa.

Na análise superficial dessas informações, não é fácil perceber que pode não ser o caso, já que um profissional de tecnologia da informação, por exemplo, pode ter a mesma função em várias companhias.

O que irá diferenciá-lo e definirá se ele é indicado para a sua instituição é a identificação com os propósitos, os valores e a missão. Por isso, se esses itens não estão bem claros, antes de iniciar o marketing de recrutamento, revisite cada um deles.

Com a compreensão correta da cultura e conduta organizacional, o passo inicial é disseminá-la para os colaboradores para aumentar o sentimento de pertencimento e engajamento com a empresa.

Essa estratégia permite que a empresa saiba qual perfil de candidato está procurando no mercado e, por outro lado, os profissionais saberão se são compatíveis com os valores que a empresa aplica na sua rotina.

Crie um banco de talentos

Nem sempre a sua empresa terá vagas de emprego abertas e a todo momento os profissionais se movimentam no mercado de trabalho. Desta forma, além de um trabalho constante de monitoramento, contar com um banco de talentos pode facilitar o recrutamento e seleção.

Crie um espaço em seu site institucional, por exemplo, no qual quem se identifica com a empresa e deseja ser um colaborador no futuro cadastre o seu currículo. Possuir essa lista de interessados pode encurtar e otimizar o processo seletivo de diversas vagas, pois, os recrutadores já terão alguns possíveis candidatos.

Outro ponto interessante do banco de talentos é que, provavelmente, todos os profissionais que se candidatarem compartilham do mesmo valores e missão da companhia. É possível que muitas pessoas cadastradas não tenham fit cultural com a sua empresa, por isso, a equipe de RH deve saber filtrar os nomes cadastrados na ferramenta.

Aposte no desenvolvimento profissional dos trabalhadores

Como falado anteriormente, uma das maneiras de criar uma boa estratégia de atração de jovens talentos é tornando a sua empresa um local onde as pessoas querem trabalhar. Para isso, os seus atuais colaboradores são os principais propagandistas do seu negócio.

Profissionais do mesmo setor costumam conversar uns com os outros sobre as empresas onde trabalham. Funcionários felizes, certamente, farão uma publicidade gratuita sobre os benefícios de trabalhar para a companhia. Então, um bom pacote de benefícios e uma boa remuneração são apenas um atrativo inicial para os futuros candidatos.

Invista no seu atual quadro de funcionários e dê a eles o reconhecimento que desejam.

Uma das maneiras de fazer isso é apostar no desenvolvimento e valorização profissional dos seus colaboradores. Ofereça treinamentos, cursos de capacitação, experiências em eventos do setor, entre outras atividades que tenham como foco o crescimento do colaborador.

Esse tipo de ação costuma aumentar o sentimento de valorização e pertencimento à empresa, auxiliando na retenção de talento. Mas, mais do que manter o funcionário, esses treinamentos deixam mais preparado para exercer suas funções e, consequentemente, melhoram os resultados da empresa.

Tenha em mente que esse tipo de programa de desenvolvimento pode ser realizado em todos os níveis de cargo, desde estagiários até líderes. Trate todos os seus colaboradores de forma igualitária.

Quais são os benefícios de uma atração de talentos bem feita?

Já falamos anteriormente que uma contratação mal sucedida pode trazer diversos problemas para a companhia, além da evidente perda de tempo para ambas as partes envolvidas. Os benefícios das estratégias de atração de talentos, porém, vão além da otimização do processo seletivo.

Quando uma empresa atrai os profissionais corretos, os impactos serão sentidos por toda a equipe e os resultados positivos no negócio ficarão evidentes ao longo do tempo. Entre os benefícios de uma atração de talentos bem feita, podemos destacar:

Melhora no clima organizacional

É evidente que se o seu quadro de colaboradores tem fit cultural com a sua empresa, as chances de estarem mais satisfeitos com o trabalho são maiores. Por isso, ao investir em ações de atração e seleção de talentos, o clima organizacional será positivamente impactado.

Se você atrai os profissionais corretos, eles não se surpreenderão com o que vão encontrar quando começarem a trabalhar, pois encontrarão exatamente a cultura organizacional que esperavam, pois o marketing de recrutamento foi bem executado.

Melhora na produtividade da empresa

A produtividade é impactada de duas maneiras quando falamos em atração de talentos. Primeiramente, quando as contratações são equivocadas, a equipe de recursos humanos terá um retrabalho para encontrar um novo candidato para a vaga. Sendo assim, a produtividade do setor será baixa.

Além disso, a equipe que estava aguardando a chegada do reforço terá que se desdobrar para manter as tarefas em dia com o desfalque. Geralmente, quando isso ocorre, os demais membros do time ficam mais cansados e sobrecarregados, resultando em queda do rendimento.

Outro ponto importante é que se o trabalho de atração de talentos do RH foi feito corretamente, a probabilidade de contar com um quadro de funcionários adequado é bem maior. Nesse cenário, é bem provável que sua empresa contará com profissionais satisfeitos, que são sinônimo de equipes motivadas e unidas pelo mesmo objetivo.

Sem dúvidas, a produtividade de profissionais com motivação no trabalho é maior do que a daqueles que se mantém na empresa apenas porque precisam do emprego. Dificilmente, com uma estratégia de atração de talentos, a sua empresa contratará quem está apenas trabalhando por necessidade.

Baixo índice de turnover

Talvez esse seja um dos pontos principais de apostar na atração de talentos: a queda no índice de turnover. Muitas empresas sofrem com a alta rotatividade de colaboradores. Um dos motivos pelos quais isso ocorre é a falta de fit cultural entre empregado e empregadores.

Quando os profissionais aceitam um cargo apenas pelo salário, sem conhecer a cultura organizacional e os valores da companhia, as chances de frustração são maiores. Assim, irão procurar deixar aquele emprego o mais rápido possível. O inverso também pode ocorrer quando a empresa perceber que fez uma contratação equivocada, dispensando o colaborador.

A taxa de turnover então tende a ser alta e, acredite, cada vez mais os profissionais qualificados se preocupam com esse tipo de índice, pois demonstra o nível de satisfação dos antigos e atuais funcionários da empresa.

Por outro lado, quando os profissionais adequados são contratados, eles tendem a permanecer por mais tempo na empresa, pois se identificam com o propósito da companhia e sentem que pertencem àquele ambiente.

Qual é o papel do employer branding na atração de talentos?

Antes de nos aprofundarmos no papel do employer branding na atração de talentos, vale recordar que o termo se refere ao conjunto de ações para construir a imagem da empresa no mercado de trabalho.

Para atrair talentos, então, é necessário que sua empresa tenha uma boa reputação entre os profissionais do mercado. É por isso que o employer branding tem impacto direto no trabalho de captação de candidatos.

Com essa prática, a imagem da empresa será disseminada em vários canais, desde a propaganda feita por atuais e antigos colaboradores até o próprio conteúdo pela companhia nos seus perfis de redes sociais e outros meios de comunicação, como e-mail marketing ou imprensa.

O fato é que as estratégias de employer branding e atração de talentos estão relacionadas e devem conversar entre si para que os objetivos sejam alcançados.

Conclusão

Agora que você já sabe o que é captação e seleção de talentos, fica mais simples entender que a estratégia de atração de novos colaboradores é muito mais do que divulgar uma vaga e esperar pelas candidaturas. Essa é uma prática que vem ganhando espaço no mercado e, cada vez mais, o processo seletivo tradicional que conhecemos terá força.

Atrair talentos é um trabalho que exige critérios e o desenvolvimento de atividades que desenvolvam o employer branding e disseminem a cultura organizacional da sua empresa. Para isso, a equipe de recursos humanos deve conhecer profundamente os valores da companhia e desenvolver atrativos para os novos talentos.

Os benefícios para o negócio vão desde a economia de recursos financeiros e de pessoal até o aumento da produtividade e melhora nos resultados, com a diminuição significativa da taxa de turnover.

Gostou deste conteúdo? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais e fique de olho nas novidades do nosso blog.

Compartilhe em suas redes!

Fonte: PontoTel

O post Atração de talentos: o melhor jeito de fazer e seus benefícios apareceu primeiro em Informativo Empresarial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

logo-png-280x120

A Cofins assessoria contábil é referência na prestação de serviços contábeis com histórico de eficiência e competência na consultoria

Receba nosso Boletim

Leave this field blank

Escritório

Organização Contábil Confis S/S
CNPJ 43.049.782/0001-66
Rua Julia Izar, 28 – Tatuapé SP 

CEP 003318-030

Generated by Feedzy