Boletins
Novidades

O que é LMS, importância, funcionalidades e como usar no RH!

O mercado de trabalho não para um  minuto e a tecnologia também não. A prova disso é que diversas ferramentas começaram a surgir nos últimos anos com o objetivo de facilitar o dia a dia das empresas e até mesmo dos trabalhadores, como é o caso do LMS.

Embora algumas ferramentas ainda não sejam vistas com bons olhos ou sejam recebidas um tanto quanto desconfiadas, o sistema LMS surgiu com o intuito de trazer facilidade e mais conhecimento para todos aqueles que o utilizam, já que ele auxilia na aprendizagem organizacional.

Por isso, é importante saber e entender qual é o verdadeiro propósito dessa plataforma, que promete melhorar o conhecimento da sua equipe e também levar mais agilidade para as atividades dos seus colaboradores.

Portanto, neste artigo, explicaremos para o que é e qual a importância dessa plataforma para as empresas. Além disso, mostraremos como ela funciona na prática e as principais funcionalidades que ela traz para o RH quando usada corretamente.

Veja o que abordaremos aqui:

Acompanhe a leitura!

O que é LMS?

LMS vem da abreviação de Learning Management System, que nada mais é do que uma plataforma de ensino que tem como objetivo transportar o ambiente educacional presencial para um espaço virtual totalmente acessível.

Com o passar dos anos, o surgimento de novas ferramentas e estratégias colaboraram para a evolução dos processos de aprendizagem. Isso porque, inúmeros softwares começaram a ser desenvolvidos e então, serviram de auxílio para diversas áreas, inclusive a corporativa.

De uma forma mais simples, essa plataforma viabiliza o ensino online e tem diversas ferramentas para fazer com que o aprendizado seja mais eficiente e completo para todos que a usam.

Embora no Brasil a tradução da sigla LMS seja Sistema de Gestão de Aprendizagem, ela também é conhecida como plataforma EAD, ou seja, Ensino à Distância. Essas plataformas costumam ser utilizadas para a aplicação de treinamentos digitais, já que proporcionam redução de custos e aceleram o processo de aprendizagem.

É fundamental lembrar que com essa tecnologia, é possível proporcionar um bom ensino e que contenha diversos elementos que podem mudar o modo de aprender e ensinar. Além disso, esse sistema também pode gerar melhores resultados para toda a empresa.

Isso porque, o LMS permite controlar e acompanhar o andamento da aprendizagem dos alunos. O sistema também conta com serviços automatizados, facilitando assim a matrícula de alunos, controle de pagamento, relatórios de aprendizagem e emissão de certificados.

Para que serve?

Ainda que poucas pessoas saibam, essa plataforma tem muitas utilidades, como a criação de conteúdos, organização em cursos e até mesmo inscrição de alunos nestes cursos.

Como dissemos antes, essas plataformas também possuem recursos para avaliação do desempenho e acompanhamento do progresso dos seus usuários. Por isso, o LMS serve para que exista uma gestão mais profissional e ampla.

Portanto, o LMS é um software voltado para gestão de cursos online de diversas naturezas diferentes, como: cursos livres, técnicos e corporativos.

Como e quando surgiu o LMS?

O LMS foi criado pelo professor de Ohio, Sidney Pressey, que inventou a conhecida “máquina de ensinar”, citada no artigo Sidney Pressey and the Automation of Education. Na época, ela parecia uma máquina de escrever com uma janela para gerenciar questões e a outra para responder.

Ainda que seu surgimento tenha sido em de 1924, essa plataforma continuou em constante evolução, mas essa tecnologia representou o início de um grande avanço para o mercado da educação a distância.

Como funciona uma plataforma LMS?

Esse sistema possui inúmeros recursos para que seja possível desenvolver e até mesmo disponibilizar o conteúdo dos treinamentos na Internet. Além disso, a plataforma LMS também faz com que a empresa possa acompanhar a trajetória dos seus colaboradores durante os cursos.

No entanto, também existem outras funcionalidades que podem ajudar no âmbito corporativo, como:

Hospedagem de conteúdo;
Criação de treinamentos;
Utilização de atividades de aprendizagem variadas;
Personalização da interface;
Facilidade na atualização do conteúdo;
Integração com os dados do setor de Recursos Humanos (identificação de cargos, acompanhamento dos funcionários, metas de performance, entre outros);
Controle de participação dos colaboradores nos cursos/treinamentos;
Avisos e lembretes para manter os profissionais atualizados sobre cursos obrigatórios, avisos, etc.;
Feedback com resultados dos treinamentos, adesão dos colaboradores e outras informações.

O que ela contempla?

Antes de tudo é crucial saber o que uma boa plataforma LMS deve possuir. Para orientar essa decisão, separamos algumas coisas que essa ferramenta deve contemplar. Veja:

Facilidade;
Integração com outros sistemas;
Suporte para aprendizagem móvel;
Relatórios de acompanhamento.

Quais os tipos de LMS?

Há diversos tipos de LMS disponíveis no mercado atualmente, mas nem todos podem ser adequados para a sua companhia. Por isso, saber quais são as opções, suas funcionalidades e possibilidades, é fundamental para assim conseguir fazer uma boa escolha ao adotar essa metodologia.

LMS hospedado

O LMS hospedado é um software que é instalado no servidor local da companhia. Isso quer dizer que o programa fica hospedado direto em um computador. Embora demande um investimento maior, esse modelo faz com que a empresa tenha autonomia para cuidar de todas as configurações do sistema.

LMS em nuvem

Aqui, o software na nuvem é vendido como serviço e ele também é conhecido como SaaS, ou Software as a Service. Isso nada mais é do que um LMS online, que fica disponível na internet e demanda conexão para acesso.

Em casos como esse, a empresa fornecedora será a responsável pelas configurações do sistema, como tempo de atividade, armazenamento de dados e até mesmo gestão de novos recursos e possíveis erros.

Esse modelo é conhecido por ser mais barato, além de ter uma implementação mais simples e permitir que os colaboradores acessem os treinamentos de qualquer dispositivo.

LMS Instalado

Diferente da nuvem, aqui vários softwares e aplicativos precisam ser instalados no computador ou dispositivo móvel. Neste caso, o T.I da empresa costuma ser responsável pela manutenção da plataforma.

Por isso, o comprador deverá ter profissionais com domínio técnico nesse tipo de sistema para realizar serviços como esse.

LMS Web

Esse modelo de LMS pode ser encontrado online, pois não é necessário baixar ou instalar qualquer programa no computador ou dispositivo. Você só precisa acessar a plataforma na internet para utilizar o sistema.

LMS Grátis

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, existe LMS grátis para quem não consegue disponibilizar uma parte do orçamento para essa estratégia online. No entanto, esse sistema tem algumas limitações e não permite que você faça personalização da sua marca, por exemplo.

LMS Comercial

Ao contrário da versão grátis, o LMS comercial traz várias possibilidades, como o uso na web, o que facilitará a implementação e manutenção das plataformas na sua empresa. Dessa forma, não é necessário muito esforço para fazer a manutenção do sistema.

LMS com Código Aberto

O LMS com código aberto funciona tanto no modelo web, quanto na versão instalada, mas não costuma ser adotado no tipo Nuvem.

Aqui, o usuário poderá personalizar e modificar sua plataforma de acordo com suas necessidades, dando mais liberdade ao comprador para decidir o que realmente quer.

LMS com Código Fechado

Se você não tem tempo para pesquisar ou ver o que se adequa melhor para sua empresa, então talvez o LMS com código fechado seja bom por um tempo.

Ainda que a plataforma não seja tão completa quanto as outras, ela estará pronta para uso com as principais possibilidades de personalização, mas é importante destacar que elas não são tão amplas.

Qual a melhor ferramenta de LMS?

É difícil dizer qual ferramenta de LMS é realmente a melhor, pois cada empresa tem as suas próprias necessidades específicas. Por isso, antes de escolher uma plataforma é essencial que a companhia realize uma pesquisa e fale com os profissionais corretos.

Qual a importância para o RH?

Como já dissemos, o uso de uma boa plataforma de LMS pode trazer diversos benefícios para toda a empresa, inclusive para o RH. Isso porque, por meio dessa ferramenta é possível criar e customizar diversos tipos de relatórios dentro do ambiente virtual.

Esses relatórios podem ser de grande ajuda para a gestão empresarial, já que facilitam a verificação da adesão aos cursos por parte dos colaboradores.

É crucial ressaltar, que relatórios podem avaliar tendências comportamentais, onde é possível trabalhar para solucionar esses problemas e, assim, diminuir o índice de rotatividade da companhia.

Com o apoio da plataforma LMS, o RH terá:

Mais flexibilidade e facilidade em relação aos desafios;
Maior diversidade nos conteúdos disponibilizados;
Ferramentas centralizadas;
Armazenamento de dados;
Treinamentos efetivos e atrativos;
Capacitação e treinamento de novos talentos;
Melhor monitoramento de resultados;
Mais envolvimento com outros setores.

Principais funcionalidades

É importante especificar corretamente as funcionalidades que sua empresa deseja e precisa na hora de escolher um LMS, para que assim você realmente possa identificar por qual deve optar. Contudo, existem algumas funcionalidades que são fundamentais, como:

Controle de desempenho

Quando falamos de processos avaliativos em uma plataforma LMS, a situação é completamente diferente das presenciais.

Isso porque, tudo fica hospedado em um único sistema e o aluno pode receber um feedback na hora sem precisar sair da sua casa. Além disso, o instrutor pode verificar o desempenho, a porcentagem de acertos e quais foram os erros de cada colaborador, assim como a média geral do grupo.

Personalização

Além de ter a possibilidade de fazer as avaliações de onde estiver, a plataforma também pode ficar com a cara da empresa. Dessa forma, o seu negócio mostrará personalidade e aumentará a confiança de possíveis clientes.

Hospedagem de conteúdo

Em uma plataforma eficiente e atual de LMS é possível hospedar os mais diversos formatos de conteúdo, como:

Vídeos (incluindo vídeos do YouTube);
PDFs;
Power Points;
Questionários;
Planilhas;
Infográficos.

Interação on-line

Como todos já sabem, a discussão é uma das partes mais importantes do processo de aprendizagem, e isso também está incluso nessa ferramenta, já que esse tipo de plataforma costuma incluir um fórum, onde é possível tirar dúvidas e conversar com outras pessoas que estão fazendo o mesmo treinamento.

Por meio dessas discussões os colaboradores podem tirar suas dúvidas, levantar questionamentos, solucionar questões e conversar com os gestores.

Se o trabalhador quiser ter um diálogo particular com os professores ou gestores do curso, ele pode enviar uma mensagem diretamente da plataforma. Essas atividades auxiliam na identificação dos alunos com o curso e estimulam o engajamento.

Emissão de certificados

Uma plataforma LMS é capaz de emitir certificados automáticos sempre que um novo curso for concluído. Desse modo é possível saber quantos certificados já foram emitidos e quais treinamentos o colaborador concluiu.

Conclusão

Neste artigo, falamos sobre o que é a plataforma LMS, como ela realmente funciona, mostramos quais vantagens ela pode trazer para a empresa quando aplicada e também explicamos como essa ferramenta pode facilitar o dia a dia da companhia.

Por isso, como dissemos anteriormente, ter um bom programa é algo essencial para que um negócio consiga se destacar e fazer com que os seus funcionários cresçam dentro da companhia. Além de trazer mais confiança, também diminui a rotatividade.

Gostou do nosso conteúdo? Então, nos siga no instagram e acompanhe nosso blog, o qual atualizamos diariamente sobre assuntos de RH, gestão de pessoas, gestão empresarial, controle de ponto e muito mais!

Compartilhe em suas redes!

Fonte: PontoTel

O post O que é LMS, importância, funcionalidades e como usar no RH! apareceu primeiro em Informativo Empresarial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Blockchain na Saúde: o que é e como funciona?

Blockchain na Saúde: o que é e como funciona?

Blockchain na Saúde: o que é e como funciona?

logo-png-280x120

A Cofins assessoria contábil é referência na prestação de serviços contábeis com histórico de eficiência e competência na consultoria

Receba nosso Boletim

Leave this field blank

Escritório

Organização Contábil Confis S/S
CNPJ 43.049.782/0001-66
Rua Julia Izar, 28 – Tatuapé SP 

CEP 003318-030