Boletins
Novidades

Aprenda utilizar a gestão da qualidade na sua empresa e tenha ótimos resultados!

Um dos pontos mais analisados pelas pessoas ao adquirir qualquer produto ou serviço é a qualidade. Quando falamos no dia a dia de uma empresa, a qualidade está relacionada ao controle das atividades necessárias no desenvolvimento do produto, para que a mercadoria final chegue ao consumidor e corresponda às expectativas e ao prometido pela marca.

Qualquer falha no processo, produto ou serviço pode resultar em uma  baixa nos indicadores de qualidade ou em defeitos que impactam diretamente na credibilidade do negócio. Por esse motivo, contar com uma equipe especialista em gestão da qualidade é um diferencial competitivo e importante para manter o padrão do trabalho realizado.

Se ainda não existe um sistema de gestão de qualidade na sua empresa, está na hora de conhecer como funciona e implementar no seu negócio.

Neste artigo, iremos abordar todos os detalhes sobre gestão de qualidade: o que é, qual a importância para a empresa, como aplicar e quais são os principais pilares. Você vai ler:

Quer saber mais? Continue a leitura!

O que é gestão da qualidade?

A gestão da qualidade é um conjunto de ações, processos, técnicas e estratégias aplicado em uma empresa para garantir que os produtos ou serviços desenvolvidos mantenham um padrão de características, conforme o prometido pela marca. Esse sistema de controle tem o objetivo principal de supervisionar cada passo da criação dos produtos.

Sendo assim, a empresa desenvolve uma série de processos bem definidos, que devem ser seguidos por todos os colaboradores, a fim de não haver problemas com o produto final. Normalmente, a gestão de qualidade é dividida em quatro componentes:

planejamento da qualidade;
garantia da qualidade;
controle da qualidade;
melhoria da qualidade.

Geralmente, para que a iniciativa seja bem sucedida, o ideal é fazer a aplicação de cada um desses itens, que são chamados de Gerenciamento Total da Qualidade. Porém, os dois componentes básicos e mais importantes são a garantia da qualidade e a melhoria da qualidade.

Vale destacar que existe, inclusive, uma norma de referência que estabelece o padrão internacional de qualidade: a ISO 9001.

O que é um QMS?

É claro que cada companhia e segmento possuem suas especificidades, mas a gestão da qualidade conta com um conjunto de normas que auxiliam as empresas na criação do conjunto de processos e estratégias.

Atualmente, a American Society for Quality (ASQ), na tradução para o português Associação Americana de Qualidade, é a referência no tema em pelo menos 130 países no mundo.

A instituição é responsável pela definição de padrões para o desenvolvimento do sistema de gestão de qualidade ou Quality Management System (QMS). Cada companhia deve formalizar o método que será utilizado para alcançar os objetivos da qualidade.

O QMS é, então, o guia que auxilia os profissionais a seguir as atividades necessárias, tanto regulatórias quanto para manutenção da eficiência, produtividade e qualidade do produto ou serviço final.

Por que a gestão da qualidade é importante?

O ponto mais importante de contar com um sistema de gestão de qualidade é zelar pelo serviço que será oferecido ao seu cliente. O método desenvolvido especialmente para as características do seu negócio permite que seja seguido um padrão, independentemente de mudanças de equipe, por exemplo.

Desta maneira, diminui-se o risco da queda de qualidade ou produtos com qualidade inferior e as pessoas não serão impactadas por produtos que não correspondem à expectativa. Além disso, a definição de critérios de qualidade deve englobar todas as áreas da empresa, pois não apenas o produto deve seguir um padrão, mas também a experiência do cliente como um todo.

Aplicar um sistema de gestão de qualidade e seguir processos padrões traz diversos benefícios para a empresa, como aumento da produtividade, redução de erros e riscos, desenvolvimento das competências dos colaboradores, redução de tempo para treinamentos de equipe e, especialmente, conquista de resultados positivos e com consistência.

A gestão da qualidade é ainda uma forte aliada para a manutenção da competitividade no mercado, já que, cada vez mais, os clientes estão em busca de bons produtos e atendimento e, qualquer deslize, pode significar uma perda para a concorrência.

Os 7 pilares da gestão da qualidade

Como citamos anteriormente, existe a ISO 9001 (2015), Norma Internacional para Gestão da Qualidade. Ela define as regras para a criação de um sistema de gestão de qualidade e faz a certificação das empresas que aplicam corretamente a norma.

No documento, a International Organization for Standardization (Organização Internacional para Padronização) define os 7 pilares principais para uma gestão correta de qualidade. São eles:

Priorizar o cliente

O principal pilar na gestão da qualidade é pensar no cliente. O foco de todo o trabalho realizado na empresa deve ter como objetivo primordial atender às expectativas do cliente. Para isso, o planejamento estratégico do negócio e as metas empresariais precisam estar alinhadas ao que o consumidor espera.

Tendo isso em mente, a empresa deve agregar mais valor para o cliente, conquistar a fidelização e, consequentemente, melhorar os resultados financeiros do negócio.

Liderar com eficiência

O segundo pilar é a liderança eficiente, que deve se basear em um propósito para a organização. Os líderes devem motivar os seus liderados a fim de conquistar os objetivos de qualidade. Para isso, devem muní-los de todas as informações e ferramentas necessárias, além de reconhecer a importância de cada colaborador para o sucesso do negócio.

Fazer melhoria contínua

Neste pilar, o foco é a busca contínua por melhorias nos processos e resultados. A padronização das iniciativas deve trazer uma maior qualidade e eficiência, entretanto, é consenso, entre os especialistas em gestão, de que sempre há o que melhorar.

Logo, os gestores e os demais profissionais devem estar atentos às oportunidades de evolução ou enriquecimento das atividades e aplicá-las sempre que julgarem necessário.

Gerenciar relacionamentos

Toda empresa conta com uma rede de relacionamentos: colaboradores, clientes, fornecedores, parceiros comerciais e outros. A gestão de qualidade entende que a gestão destas conexões é essencial para a sustentabilidade da empresa.

Qualquer enfraquecimento em um desses elos pode impactar toda a cadeia de produção, trazendo resultados negativos para a empresa.

Decidir com base em dados

Tomar decisões com base no achismo não pode fazer parte da rotina do negócio. Este pilar entende que toda ação das empresas deve ser baseada na análise dos dados. Existem diversas fontes de informação, como feedback de clientes ou colaboradores, número de vendas, receita da companhia, entre outros.

Para que a gestão da qualidade seja positiva, analisar esses dados antes de tomar qualquer atitude, pode prevenir decisões equivocadas ou sem propósito.

Coordenar processos

A gestão de qualidade é baseada em processos e a coordenação deles é um dos passos mais importantes para que os resultados obtidos sejam os esperados. A coordenação e a melhoria de processos por parte dos gestores é essencial para que todos compreendam a importância de seguí-los.

Afinal, é por meio deles que serão desenvolvidos produtos e serviços consistentes e dentro do padrão definido no sistema de gestão de qualidade. Para isso, cada atividade deve estar correlacionada e ter seu propósito bem claro para cada um dos integrantes das equipes.

Analisar empresa como um organismo

Por último, a gestão de qualidade deve enxergar a empresa como um organismo vivo. Desta maneira, para que haja um bom funcionamento do todo, é necessário que os órgãos estejam exercendo corretamente suas atividades.

O sistema de gestão servirá exatamente para garantir que todos os processos sejam cumpridos e sejam realizados em prol do bem-estar da companhia.

Como aplicar a gestão da qualidade de forma efetiva?

Agora que você já entendeu o que é a gestão da qualidade e qual a importância para a sua empresa, deve estar se perguntando como aplicá-la no seu negócio.

Antes de tudo, é importante entender quais são as prioridades da sua empresa, identificando os principais pontos de falha e quais processos não estão bem definidos. Normalmente, inicia-se pelos produtos ou serviços mais importantes para o negócio.

Depois, é a hora de criar a padronização adequada e contar com uma equipe de especialistas em gestão da qualidade é fundamental neste momento. Com os processos criados, torna-se necessário promover o engajamento dos colaboradores, que devem entender a importância da qualidade e, principalmente, qual é o seu papel neste novo modelo de gestão.

Quando tudo estiver em andamento, é papel do gestor de qualidade avaliar o andamento e o cumprimento do sistema. Ele pode criar indicadores de qualidade e acompanhar os números periodicamente. Esse acompanhamento contínuo permite a tomada de decisão rápida caso seja preciso mudar a rota em algum momento.

Conclusão

A gestão de qualidade é, então, um sistema de padronização de processos que tem como objetivo principal a entrega de produtos ou serviços dentro do esperado pelos clientes. Os seus benefícios vão desde o aumento da produtividade e eficiência operacional da equipe até a consolidação do relacionamento com os clientes.

As empresas que apostam e investem em gestão de qualidade tendem a aumentar seus resultados financeiros e ainda podem solicitar a certificação internacional ISO 9001:2015 que reconhecerá seus esforços para a manutenção e melhoria da qualidade de seus serviços.

Quer saber mais de assuntos como esse? Continue acompanhando o blog da PontoTel!

Compartilhe em suas redes!

Fonte: PontoTel

O post Aprenda utilizar a gestão da qualidade na sua empresa e tenha ótimos resultados! apareceu primeiro em Informativo Empresarial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

O que é adicional de periculosidade e como calcular?

logo-png-280x120

A Cofins assessoria contábil é referência na prestação de serviços contábeis com histórico de eficiência e competência na consultoria

Receba nosso Boletim

Leave this field blank

Escritório

Organização Contábil Confis S/S
CNPJ 43.049.782/0001-66
Rua Julia Izar, 28 – Tatuapé SP 

CEP 003318-030

Generated by Feedzy